Riscos que nos ameaçam PD50 - Page 22

da população favelada do Rio, a isto se acrescenta a negação do direito à vida e ao de ir e vir, o que hoje se espraia pela cidade. De outro lado, as forças sociais e políticas modernas, herdei- ras que são das conquistas de 1988, tem sido incapazes de cons- truir a unidade necessária ao enfrentamento de nosso passivo social histórico. O erro vem também dos que subestimam a importância deci- siva das instituições democráticas que já temos. Tomam-nas como um elemento dado, trazido de um passado autoritário, captura- das irremediavelmente por elites reacionárias e atrasadas, como se não estivéssemos ameaçados por retrocessos maiores. A democracia que temos lhes é meramente instrumental: ao me