Revista PrisMagazine Número 002 Ano I - Out. 2015 - Page 37

37 Como podemos comprovar nas palavras do campeão da na H21E, o atleta Juliano Pasturiza, representando do IDESP. “A III Etapa do CAMBOR contou com uma ó ma organização, percursos bem traçados. O percurso longo mais aberto, com escolhas de rotas e menos técnico, o percurso médio com predominância da floresta na maior parte do percurso, poucas escolhas de rotas e tecnicamente superior ao percurso longo. Predominou nos dois percursos o alto desnível, tornando ambos os percursos pesados, tendo como agravante a chuva e lama que aumentaram ainda mais a dificuldade em toda a compe ção. ” A parte da tarde ficou reservada para a festa de premiação. Às 13h30 foi realizada a premiação do revezamento, 14h a premiação da 3ª etapa e às 15h a premiação do ano de 2015. Festa que contou com vários presentes, que no final ficou aquele gos nho de quero mais. A atleta Marcia Libânea, do Caa nga Treeking, presidente da Federação Baiana de Orientação afirmou: “Bom, estar no Cambor é sempre uma experiência muito interessante, onde temos a oportunidade de estar num local junto as pessoas que também são apaixonadas pelo esporte, que se dedicam a ele e podemos ver de perto os melhores atletas de cada categoria. No CamBOr há uma integração entre os atletas de todas as partes do Brasil, onde nos surpreendemos e aprendemos muito com as diferenças de culturas. Ganhamos conhecimento e retornamos para nosso estado repassando tudo de bom que vemos a oportunidade de vivenciarmos. Desde nosso primeiro CamBOR em Caldas Novas, que temos trazido novidades nas nossas organizações nas provas da Bahia. Aconselho a todos orien stas, coloquem pelo menos um Cambor por ano em seu calendário.” Ao final do circuito de 3 etapas, o Campeonato Brasileiro de Orientação finalizou com o COGA como clube campeão 2015 e a Federação Paranaense como a campeã de 2015. Ao final da premiação, o então presidente da CBO Luiz Sérgio Mendes discursou aos presentes, deixando claro como idéia principal de seu trabalho, a par cipação dos clubes e dos atletas para o crescimento da orientação no Brasil. Um fato importante a se destacar desta terceira etapa do CamBor, ocorreu na tarde do sábado com a realização de uma reunião geral entre o presidente eleito da CBO Sr. Luiz Sérgio Mendes e seu novo corpo de diretores, onde o mesmo tomou posse oficial da en dade, na presença de presidentes de várias federações e atletas presentes no evento. Onde na ocasião foram apresentadas as principais propostas da CBO para o futuro da Orientação, e após, houve uma reunião com os presentes. 015 2 S E EÕ CAMPlite E inino Fem DAAN nz - A e L s E e r D21 A alma ados ine D - COG Dour a l P k E S a ) i E 1 - ID Ron inéia rendt A s 2) Ed e l Sa quel te 3) Ra o Eli ulin Masc ESP a - ID z i r u t s ra Pa H21E Perei o n a i SM 1) Jul s - CO u k s r o a ad SM niel M Dour l - CO on Da a t r d i e V v 2) E ra o er Ba b e l C 3) Cl X