PODERES EM REVISTA 4ª edição - Page 50

A VIDA ALÉM DO DIREITO i esporte da Lei da Gravidade, o ator Charles Chaplin e o músico Elton John ganharam o mesmo título de nobreza. Após retornar de Atlanta, André continuou competindo em alto nível. “A gente volta da Olimpíada cheio de expectativa. Fui a mais um Campeonato Mundial na França, em 1997. Depois segui treinando”, relata. Mas, para trilhar o caminho promissor na carreira jurídica, o remador teve que fazer uma escolha. E, após a formatura em Direito no ano 2000, o esporte deixou de conviver com André de domingo a domingo. “Optei por me dedicar ao estudo”, conta agora o juiz sobre aquele veredicto que deu na própria vida há 12 anos, e que o fez atuar como advogado da Caixa Econômica Federal, ser aprovado em conc urso público, ir morar no interior do Rio Grande do Sul e parar com o remo. Mas surgiu a transferência, em 2008, para Novo Hamburgo, a 40 quilômetros de Porto Alegre. Pronto. Voltou a remar nas águas do Guaíba nas primeiras horas da manhã, antes de ir trabalhar. André até já retornou à seleção brasileira sênior em 2009 e 2010, mas depois não conseguiu manter o alto rendimento nas duas atividades. E não pense que isso é fácil para um ex-atleta olímpico. “Hoje eu tento encarar como hobby, mas pra quem tem um retrospecto competitivo é difícil. Você vai ficando mais velho, tem outros compromissos, e seu rendimento não é mais o que era. Atlanta marcou centenário dos Jogos da Era Moderna A Olimpíada de Atlanta teve o lendário ex-pugilista Muhammad Ali acendendo a pira olímpica na cerimônia de abertura, registrou a primeira medalha de ouro feminina conquistada pelo Brasil na história dos Jogos, com a dupla Jacqueline e Sandra no vôlei de praia, e marcou a despedida de Carl Lewis, norteamericano que conquistou nove ouros no atletismo. Ficou na história, principalmente, por marcar o centenário dos Jogos Olímpicos da Era Moderna, que surgiram em Atenas, em 1896. Por isso, a escolha da capital do Estado da Geórgia como sede, e não da capital grega, gerou insatisfação em setores ligados ao movimento olímpico. Atlanta foi vítima de um atentado a bomba que matou uma mulher e deixou 111 feridos durante a Olimpíada. “Eu soube, mas foi fora da Vila. Na Vila Olímpica, era um sistema de segurança muito bem organizado. Mas eu não tinha nenhuma preocupação com terrorismo, nem passava pela minha cabeça”, recorda o juiz André Vorraber Costa. O suposto autor dos atentados é um norteamericano, que foi preso e condenado à prisão perpétua. vencedor: André, primeiro à esquerda no four skiff, comemora a classificação para a Olimpíada 50 I Poderes em Revista