Pathos: revista brasileira de práticas públicas e psicopatologia 8º Volume - Page 35

PATHOS / V. 08, n.01, 2019 34

Σ

Enfrentamento

Esperança

resistência

Amor

Felicidade

Acesso

Educação

Diversidade

Liberdade

NOTAS

1 - Empresto esse termo do psicanalista mineiro Hélio Pelegrino (1983).

2 - Discordando da ideia de que a legislação ambientação brasileira é xiita, penso que ela ainda é frouxa e tem uma atuação precária no campo da preservação da vida natural de nossos biomas.

3 - Acordo firmado por diversos países com o objetivo de diminuir a emissão de gases poluentes no planeta. Para saber mais acesse: http://www.mma.gov.br/clima/convencao-das-nacoes-unidas/acordo-de-paris.

4 - https://www.greenpeace.org/brasil/blog/brasil-envergonha-a-agenda-climatica/, acesso em 14 de Dez. de 2018.

5 - http://trabalho.gov.br/noticias/6769-ministerio-do-trabalho-se-destaca-no-desenvolvimento-do-pais.

6 - Embora o aborto não esteja preconizado enquanto política pública, o que permitiria a mulher tomar as decisões acerca de seu próprio corpo, os procedimentos clandestinos ocorrem de maneira livre e constante. Dados da Pesquisa Nacional de Aborto (Diniz; Medeiros; Madeiro, 2016), indicam que o aborto é uma prática comum entre as mulheres brasileiras, apontando que 1 em cada 5 mulheres já o realizaram. As conseqüências dos procedimentos clandestinos, para além das implicações legais, são os problemas de saúde advindos dos procedimentos realizados, muitos deles em lugares insalubres ou sem estrutura adequada.

7 - Disponível em: https://www.huffpostbrasil.com/2018/12/06/damares-alves-o-que-pensa-a-futura-ministra-da-mulher-familia-e-direitos-humanos_a_23611087/. Acesso em 11 de Dez. 2018.

8 - https://congressoemfoco.uol.com.br/especial/noticias/conheca-as-11-bancadas-mais-poderosas-da-camara/

REFERÊNCIAS

Diniz, Debora; Medeiros, Marcelo, Madeiro, Alberto (2016). Pesquisa Nacional de Aborto 2016. Ciência & Saúde Coletiva 2017; 22 (02) 653-660. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csc/v22n2/1413-8123-csc-22-02-0653.pdf. Acesso em 11 de Dez. 2018.

Goffman, Erving. (1975) Estigma: notas sobre a manipulação da identidade deteriorada. Rio de Janeiro: LTC.

Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada - IPEA. (2016) Expansão da fronteira agrícola no Brasil: desafios e perspectivas. Rio de Janeiro. Disponível em: http://www.ipea.gov.br/portal/images/stories/PDFs/TDs/td_2223.pdf. Acesso em 10 de Dezembro de 2018.

Pellegrino, Hélio. (1983) Pacto edípico e pacto social: da gramática do desejo à sem-vergonhice brasílica. Folhetim – suplemento da Folha de São Paulo, São Paulo, n.347 , p. 09-11, Set.