MORAL E DOGMA I - SIMBÓLICOS - 1º ao 3º GRAU MORAL E DOGMA Vol I - Page 22

MORAL E DOGMA polegadas de altura, cada capitel pouco mais de oito pés e seis polegadas de altura, e o diâmetro do eixo seis pés e dez polegadas. Os capitéis estavam enriquecidos com romãs de bronze, cobertas com redes de bronze, e ornamentados com grinaldas de bronze; e parecem ter imitado a forma dos pericarpos do lótus ou lírio Egípcio, um símbolo sagrado para os Hindus e Egípcios. O pilar ou coluna da direita, ou do sul, era chamado, como a palavra Hebraica é reproduzida em nossa tradução da Bíblia, JACHIN; e o da esquerda, BOAZ. Nossos tradutores dizem que a primeira palavra significa “ Ele estabelecerá ”, e a segunda “ nele está a força ”. Essas colunas eram imitações, feitas por Khūrūm, o artista Tírio, das grandes colunas consagradas aos Ventos e ao Fogo, na entrada do famoso Templo de Malkarth, na cidade de Tiro. É costumeiro, em Lojas do Rito de York, ver-se um globo celestial em uma e um globo terrestre na outra; mas estes não são justificados, se o objetivo for imitar as duas colunas originais do Templo. O significado simbólico dessas colunas deixaremos por agora inexplicado, acrescentando apenas que os Aprendizes Iniciados guardam suas ferramentas de trabalho na coluna JACHIN; e lhe dando a etimologia e significado literal dos dois nomes. A palavra Jachin , em hebraico, é ‫ן‬ ‫יכי‬ . Era provavelmente pronunciada Ya-kayan , e significava, como um substantivo, Aquele que fortalece; e por isso, firme, estável, ereto. A palavra Boaz é ‫בעז‬, Baaz. ‫עז‬ significa Forte , Força , Poder , Refúgio , Fonte de Força , um Forte . O ‫ב‬ prefixado significa “com” ou “em” , e dá à palavra a força do gerúndio Latino roborando – Fortalecendo . 12