Master of Simplicity Magazine #3 Maio 2017 - Page 63

...trazendo boas energias

O ser humano busca cada vez mais uma integração maior com a Natureza, principalmente nos Grandes Centros Urbanos, onde vivemos muitas vezes em casas e apartamentos pequenos, sem espaços para jardins. Com cria-tividade e escolhendo as espécies (de plantas) certas para as áreas internas, podemos transformar os ambientes.

As plantas contribuem não só para tornar o ambiente mais bonito, como também para o Bem Estar e Qualidade de Vida dos moradores, e ainda ajudam a diminuir o estresse. Podemos utilizar objetos que temos dentro de casa para utilizar como vaso. Como por exemplo, xícaras antigas que perderam os seus pares, potes de vidro, esculturas an-tigas como essas da foto à esquerda, elaborada para a Mostra Maison, em São Paulo, Brasil. Foram utilizadas esculturas que estavam sem uso, dando uma nova função para elas, contribuindo para a sustentabilidade e criando um jardim interno. A planta utilizada foi a Peperomia Variegata, fácil de cuidar e que pode ser cultivada em interiores com boa iluminação. Você pode escolher um vaso com profundidade até 20 cm de boca larga, protegendo o fundo com pedrinhas e colocando uma porção de areia para garantir a drenagem.

Outra forma de integrar a natureza para quem não possui espaço em casa ou no escritório, é utilizar o Jardim Vertical, que pode ser enriquecido com diversas espécies de plantas e também com uma pequena horta, incluindo

temperos para utilizar no dia a dia. Mande fazer um painel de madeira do tamanho que precisa, passe verniz para impermeabilizá-lo afim de ficar mais resistente à água e às intempéries, e utilize o meio vaso com ganchos para prendê-los. Além da estética, as plantas contribuem muito para a limpeza do ar nos ambientes, economizam em energia gasta com resfriamento do ambiente e na compra de temperos que podem ser cultivados, e contribuem para a redução do estresse, trazendo maior qualidade de vida.

A rotina de cuidar das suas plantas auxilia a sua organização diária, criando uma interação com o seu lar e promovendo um momento de felicidade com as coisas simples da vida.

pela arquiteta e urbanista

Karina Dunder Koch

ANTES

DEPOIS

Fotografias gentilmente cedidas pela autora deste artigo

O ser humano busca cada vez mais uma integração maior com a Natureza, principalmente nos Grandes Centros Urbanos, onde vivemos muitas vezes em casas e apartamentos pequenos, sem espaços para jardins. Com cria-tividade e escolhendo as espécies (de plantas) certas para as áreas internas, podemos transformar os ambientes.

As plantas contribuem não só para tornar o ambiente mais bonito, como também para o Bem Estar e Qualidade de Vida dos moradores, e ainda ajudam a diminuir o estresse. Podemos utilizar objetos que temos dentro de casa para utilizar como vaso. Como por exemplo, xícaras antigas que perderam os seus pares, potes de vidro, esculturas an-tigas como essas da foto à esquerda, elaborada para a Mostra Maison, em São Paulo, Brasil. Foram utilizadas esculturas que estavam sem uso, dando uma nova função para elas, contribuindo para a sustentabilidade e criando um jardim interno. A planta utilizada foi a Peperomia Variegata, fácil de cuidar e que pode ser cultivada em interiores com boa iluminação. Você pode escolher um vaso com profundidade até 20 cm de boca larga, protegendo o fundo com pedrinhas e colocando uma porção de areia para garantir a drenagem.

Outra forma de integrar a natureza para quem não possui espaço em casa ou no escritório, é utilizar o Jardim Vertical, que pode ser enriquecido com diversas espécies de plantas e também com uma pequena horta, incluindo

temperos para utilizar no dia a dia. Mande fazer um painel de madeira do tamanho que precisa, passe verniz para impermeabilizá-lo afim de ficar mais resistente à água e às intempéries, e utilize o meio vaso com ganchos para prendê-los. Além da estética, as plantas contribuem muito para a limpeza do ar nos ambientes, economizam em energia gasta com resfriamento do ambiente e na compra de temperos que podem ser cultivados, e contribuem para a redução do estresse, trazendo maior qualidade de vida.

A rotina de cuidar das suas plantas auxilia a sua organização diária, criando uma interação com o seu lar e promovendo um momento de felicidade com as coisas simples da vida.