Informativo ABECO Informativo No 14 (jan-abr 2019) - Page 10

INFORMATIVO ABECO | Edição Nº 14 10 22 anos do Programa PELD no Brasil Criado num período em que a ciência brasileira vinha num expansão histórica, o Programa de Pesquisa Ecológica de Longa Duração (PELD) foi concebido como uma rede de sítios de referência para a pesquisa científica em Ecologia. Estruturado, inicialmente, com recursos do CNPq, o programa foi ganhando novas parceirias de financiamento nacionais e internacionais, contando hoje com o aporte de recursos também das Fundações de Apoio de Pesquisa Estaduais e da Capes. Atualmente, o Programa PELD conta com 34 sítios vigentes, aprovados no âmbito da Chamada 015/2016, distribuídos nos diferentes biomas brasileiros. Segundo a associada da ABECO Helena Romanowski, membro do Comitê Científico do PELD, a produção associada ao programa impression. “Até 2016, mais de 2500 pessoas já haviam integrado as equipes científicas do PELD e mais de 2500 artigos, teses e dissertações foram produzidas.” Também é relevante o número de instituições: “Em 2016 eram 80 PPGs e 272 instituições parceiras”, conclui. Embora a relevância do programa seja evidente, em tempos de crise orçamentária para a ciência, não se sabe ao certo os caminhos deste e de outros programas. Segundo Helena Romanowski, o programa é especialmente importante “como produtor de pessoal altamente qualificado e de ciência de ponta, num momento em que atmosfera social está se tornando cada vez mais obscurantista”. PELD em foco na Oecologia Australis Visando contribuir com a discussão sobre a importância de estudos de longa duração e com a ampla divulgação dos resultados obtidos pelos sítios PELD, a revista Oecologia Australis (AO) acaba de abrir uma chamada para submissão de artigos para o volume especial "PELD: Pesquisas Ecológicas de Longa Duração no Brasil". A revista AO é mantida financeiramente e publicada pelo Programa de Pós-Graduação em Ecologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro. O objetivo deste número especial é a tratar de temáticas como a integração de resultados entre sítios PELD, a importância dos estudos de longa duração e as questões ecológicas específicas que só podem ser respondidas em estudos de longa duração. O prazo final para submissão de manuscritos é 1 de agosto de 2019 e a expectativa de lançamento desse volume especial é para o primeiro semestre de 2020. Maiores informações em: https://revistas.ufrj.br/index.php/ oa/about/editorialTeam e oecologiaaustralis@gmail.com