Informativo ABECO Informativo No 11 (jan-abr 2018) - Page 8

INFORMATIVO ABECO | Edição Nº 11 laboratórios de pesquisas, além de biblioteca, secretaria, apoio em informática e artes gráficas, congregando, mais de 200 pessoas, lideradas por 41 pesquisadores. Associado ao Nupélia foi implantado o Programa de Pós-Graduação em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais (PEA; CAPES nível 6). Embora com vários projetos pessoais em andamento, mantém, desde 1986, projetos mais amplos (por exemplo, PELD/CNPq) que congregam, estudos de toda a biota aquática (de bactérias a peixes) e vegetação ripária. Além da contribuição científica representada por mais de mil artigos e livros e capítulos de livro, e a formação de recursos humanos nos diferentes níveis (de iniciação científica a pós-doutorado), atuando em quase todas as unidades da federação. Além do grupo de pesquisadores que participou da implantação e consolidação do Nupélia, com os quais tive a 8 oportunidade de intenso aprendizado científico e de convivência social, cabe destaque ao papel da Dra. Ana Emilia Amato de Moraes Vazzoler, que contribuiu para o desenvolvimento científico do Núcleo e na implantação do PEA. Foto: Rosana Mazzoni Dentro da ictiologia, minha paixão pela ecologia de peixes foi, sem dúvidas, motivada pelas publicações da Dra. Rosemary Lowe- McConnell, pesquisadora que tive a honra de conhecer em um congresso nos Estados Unidos, apresentada pelo Prof. Kirk Winemiller, e que, mais tarde, tive a oportunidade de visitar em sua casa no sul da Inglaterra, acompanhado de outros admiradores, em viagem liderada pelo meu grande amigo Miguel Petrere Jr. As discussões durante a tradução de seu livro “Ecological Studies in Tropical Fish Communities”, coordenada pela Profa. Vazzoler e mais tarde publicada pela EDUSP, foram realmente gratificantes e enriquecedoras. Assim, minha carreira foi, em grande parte, moldada pela influência das circunstâncias e de muitas pessoas, algumas pela confiança e apoio incondicional, outras pelo conhecimento, experiência, ética e dedicação à pesquisa. A ideia de que um curso de pós-graduação, associado ao Nupélia, garantiria um ambiente de discussão renovável e atualizado realmente se efetivou. Minha atuação na articulação dos esforços de pesquisa das diferentes áreas da ecologia aquática, no âmbito do Nupélia e do PEA, que deve ter contribuído para a consolidação desse Núcleo, foi, de fato, uma oportunidade de aprendizado pelo convívio e discussões com pesquisadores, técnicos e orientandos.