Edição 562 Julho/Agosto revistaOE562_V2b_11OUT - Page 96

t e C n o l o G I a d a I n F o r M a ç ã o Solução resolve 99% das não conformidades no canteiro Com o objetivo de garantir controle total nas verifi cações e obter indicadores que certifi quem a qualidade dos serviços realizados nos canteiros de obra, a Engebel Construção, que há mais de 35 anos atua na elaboração de projetos em diversos estados brasileiros, contratou o módulo Qualidade do Mobuss Construção, desenvolvido pela Tecló- gica. Com a tecnologia, a construtora garantiu a resolução de 99% das não conformidades com efi cácia e dentro do prazo determinado. Além disso, a companhia percebeu ainda uma signifi cante melhoria em relação à efi ciência e produtividade das atividades do Sistema de Gestão de Qualidade (SGQ) executadas pelos colaboradores. “Identifi camos a necessidade do uso de um sistema que agilizasse nossos projetos e também nos proporcionasse, quase que instanta- neamente, o controle de tudo o que estava ocorrendo na obra. Com a implementação do Mobuss Construção conseguimos esse gerencia- mento, o que está contribuindo para a criação de uma cultura foca- da na qualidade junto aos líderes das frentes de serviço”, destaca o diretor administrativo da Engebel, Walmiro Ghedin. De acordo com os relatórios que garantem o atendimento aos mais rígidos padrões de qualidade - as chamadas Fichas de Verifi cação de Serviços (FVS) -, houve um aumento de cerca de 70% nas realizações e nos registros das obras desenvolvidas pela Engebel. O próximo passo é implantar no sistema os formulários de armazenamento e inspeção de materiais controlados. A Engebel afi rma que os reports enviados diariamente ao enge- nheiro residente com todos os registros é um dos fatores determinan- tes para a solução das não conformidades, já que é possível garantir que sejam acompanhadas até a fi nalização. “Nossas expectativas em relação ao uso do Mobuss Construção foram atendidas. Conseguimos garantir aos nossos clientes mais confi abilidade das informações, aperfeiçoamento dos trabalhos realizados, agilidade nos processos de inspeção e um grande aumento na efi ciência das verifi cações. Todos esses aspectos foram alcançados com um investimento que corres- ponde a apenas 0,05% do custo total da obra”, conclui Walmiro Ghedin. O Mobuss Construção é uma solução de mobilidade para o setor da Construção composta por oito módulos: Apontamento, Segurança, Qualidade, Vistoria e Entrega, Assistência Técnica, Documentos, Re- gistros e Projetos. “Para nós é essencial saber que a nossa solução eleva a efi ciência dos processos dos nossos clientes, é nisso que acreditamos. As cons- trutoras precisam cada vez mais de soluções estratégicas que auxiliem na otimização do tempo e aumento da produtividade de seus cola- boradores, sem prejudicar a qualidade do que é produzido”, fi naliza a diretora de Produtos da Teclógica, Adriana Bombassaro Alexandre. Gerenciadora e CDHU desenvolvem aplicativo para consulta de obras Uma parceria entre a Concremat Engenharia e Tecnologia e a Supe- rintendência de Orçamento, Programação e Controle (SOPC) da Diretoria Técnica da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano de São Paulo (CDHU) – empresa do Governo do Estado de São Paulo vincula- da à Secretaria de Habitação, desenvolveu o MiniGEM, um aplicativo que permite consultas a diversos dados de obras da companhia, já entregues ou não. A ferramenta não exige conexão com a Internet para navegação e é voltada para todos os colaboradores, internos e externos, ligados aos empreendimentos da CDHU. Silvio Vasconcelos, Superintendente da SOPC da CDHU, avalia que uma das vantagens do MiniGEM é reunir em uma plataforma mobile um banco de dados unifi cado sobre as obras. “A consolidação de dados ao alcance das mãos pelo smartphone facilita o dia a dia dos envolvidos no processo de gestão dos empreendimentos, que possuem uma rotina de visitas, reuniões de trabalho ou mesmo visitas às obras”, pontua. O app também possui uma funcionalidade de GPS que indica ao usuário o trajeto para cada empreendimento. O MiniGEM é a primeira solução para smartphones desenvolvida para a Diretoria Técnica da CDHU e pode ser executado nas platafor- 94 | | J u l h o /A g o s to 2017 mas Android e iPhone. Fernando Sefair de Brito, diretor de Edifi cações Públicas SP & Sul, responsável pelo contrato CDHU da Concremat, ex- plica que, para maior segurança das informações, o banco de dados fi ca armazenado na nuvem. “O banco com todo o conteúdo a respeito dos empreendimentos é baixado para o smartphone logo após a instalação, permitindo acesso aos dados mesmo quando não há uma conexão com Internet”, completa Brito. A parceria entre a CDHU e a Concremat teve início na década de 1990 e engloba a prestação de serviços técnicos especializados no ge- renciamento e/ou fi scalização de obras, além de apoio técnico em áreas como engenharia, re- gularização fundiária e serviços sociais. Hoje, a Concremat atua em mais de 15 mil unidades habita- cionais, gerenciadas em 139 empreendi- mentos da CDHU.