Detectives Selvagens 2- Medo - Page 63

Depois do que aconteceu # O meu marido acha que estou louca. Não estou, mas não o vou contrariar. Toda a gente sabe que tentar convencer alguém de que não estamos loucos é a mais evidente prova da nossa loucura. # Hoje a psicóloga telefonou-me. Quer ver a minha mulher a interagir com o bebé. Disse-me para insistir com ela para que leve o menino às consultas. Explicou-me que “depois do que aconteceu”, acha importante que o menino acompanhe a mãe para que ela possa fazer uma avaliação do processo de “vinculação afectiva”. O miúdo ainda não tem 15 dias e já foi alvo de mais medições e avaliações do que uma empresa numa auditoria. Não quis dar parte de fraco por isso disse que sim, que também achava importante e fui a correr ao Google ver o que era a tal “vinculação afectiva”. Pareceu-me uma designação moderna e fria para o que antigamente se designava “amor de mãe”. Não percebi se a doutora está preocupada com alguma coisa em particular ou se é normal fazer este tipo de avaliação a todas as pacientes 63