Date a Home Magazine | Jul / Ago / Set 2014 - Page 45

alimentado por investidores estrangeiros à procura de golden visas ou outros benefícios fiscais. Não estamos a pensar de uma forma estratégica a reabilitação urbana e, como sem-pre, estamos a gerir as coisas de forma reativa, por haver uma procura a satisfazer. Mas a ver-dade é que estamos a tomar decisões que vão influenciar o futuro das nossas cidades, e habi-tantes. Acredito que a solução poderia passar por criar um mega fundo imobiliário que, numa primeira fase, absorvesse tudo o que fosse mal parado na habitação, isso ajudaria a estancar a queda dos preços e haveria uma maior clareza para o mercado», conclui.

Conversas de Vão de Escada | Personalidades | REPORTAGEM

45