Cientistas: feminino e plural CientistasFemininoEPlural - Page 95

CIENTISTAS: FEMININO E PLURAL Em outra ocasião, entre os anos de 1963 e 1964, Glaci candidatou- se a uma bolsa da National Institute of Health, em Nova York, por intermédio de Bacila. Em sua opinião, não foi contemplada por ser mulher. “Eles concederam bolsas para quatros homens, mas não deram a mim”, recorda. Isso não a parou. Mesmo chateada com o ocorrido, tentou novamente – desta vez em uma universidade na Bélgica. Em setembro de 1954, após um mês estudando francês oito horas por dia em Curitiba, a pesquisadora embarcou para a Europa. E lá estava a pequena notável novamente trabalhando no laboratório de um futuro Prêmio Nobel. Em Louvain, Glaci realizou experimentos no espaço dirigido pelo professor Christian de Duve, que viria a ser laureado com o maior prêmio científico do mundo, na área da Medicina, em 1974. 95