Cientistas: feminino e plural CientistasFemininoEPlural - Page 17

CIENTISTAS: FEMININO E PLURAL Hoje, mais mulheres têm acesso ao ensino superior e mercado de trabalho. Na realidade, a presença feminina já é maior que a masculina em cursos de graduação – elas representam 57,2% dos estudantes, segundo dados do Censo da Educação Superior de 2016, última edição da pesquisa. Na docência, o cenário é outro: 45,5% são professoras mulheres. Os números referentes ao incentivo através de bolsas de estudo também mostram desigualdade. De acordo com dados do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), 76% dos cientistas de nível sênior que recebem bolsas de pesquisa no país são homens. O aumento da presença feminina no mercado de trabalho, no entanto, não representou igualdade salarial. As mulheres ganham menos do que os homens em todos os cargos. É o que aponta a pesquisa salarial realizada 17